• Suely Tonarque

Clarice Abujamra


Desde pequena, ela tem paixão por dançar, incentivada principalmente por sua mãe. Aos 16 anos começou a trabalhar com dança e dois anos depois já estava em Nova York cursando Martha Graham. Também foi professora de dança e bailarina.

“Se eu consegui alguma coisa como atriz, eu devo à dança”.

imagem by google

Estimulada por seu tio Antonio Abujamra, iniciou o seu trabalho de atriz. Trabalhou em duas novelas na Globo: “Anjo Mau” e “Escrava Isaura”, nos anos 70.

Foi diretora, produtora e protagonista da peça “Cenas de uma Execução” de Howard Barker. A vida da pintora Artemísia Gentileschi é o eixo central dessa história baseada em fatos reais.

No cinema, além do longa "Reinchenbach e Anjos do Arrabalde", onde recebeu o prêmio de melhor atriz, entre outros, mais recentemente, atuou num filme de grande sucesso: “Como Nossos Pais” de Laís Bodanzky, premiado no Festival de Gramado em 2017, onde também recebeu o prêmio de “Melhor Atriz Coadjuvante”.



* Texto reeditado - para atualização - do trabalho de Regina Dias para o Grupo da Moda, dirigido por Suely Tonarque.


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo