• Suely Tonarque

"Estou sendo punida por ter 60 anos" - Madonna


imagem by google

As mulheres costumam enfrentar preconceitos ao longo da vida, como bem diz Madonna, concluindo sobre os seus 60 anos:


"As pessoas sempre tentaram me calar por uma razão ou outra: ou eu não era bonita o suficiente, ou eu não cantava bem o suficiente, ou não era talentosa o suficiente, ou porque eu não era casada,e agora é porque eu não sou jovem o suficiente".

A rainha do pop sempre ouviu críticas e isso nunca a abateu. Mas segue o comentário

com precisão:


”...se fosse homem, ninguém comentaria a minha idade”.

E para fechar o desabafo, ela arremata:


"..e se você ainda tiver apetite sexual, será desprezada, discriminada e perseguida”.


imagem by google

Se Madonna se sente assim, sendo quem é, o nosso desafio ainda é maior, sendo quem somos, mulheres anônimas, vivendo numa sociedade ocidental machista, num país onde o homem ainda é tratado desde a infância como o forte, o protetor, o provedor (e também por isso, se sente o dono de muitas de nós; atenção Mães e Avós: é preciso revisar isso, hein?) Porém, se você está aqui, lendo esse primeiro texto do nosso blog, com certeza já ultrapassou ou nem sequer passou por essa barreira e, hoje, desfruta do que é bom e aprende com o que não é, depois dos 60 ou mesmo antes disso.


Sendo assim, ânimo! Vamos nos convencer de que vale a pena ser mulher, mesmo não sendo Madonna. Porque ela, mesmo sendo boicotada em rádios inglesas por causa da idade, continua linda, quebrando paradigmas, provando que o seu talento não tem limite, muito menos por ter 60 anos. E convenhamos, para quem é anônima, como somos, fica até mais fácil. Por isso, cuide do seu corpo pra que ele sustente a sua cabeça (ligada no 220 v); cuide da sua cabeça para que ela entenda as mudanças do seu corpo e não tenha nenhuma vergonha dele; cuide da sua aparência para que o seu corpo e a sua cabeça estejam sempre muito bem apresentadas.


Voilà: A vida é bela!

72 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo